Artigos e dicas para viver a melhor idade

Dicas para aliviar dor nas costas

Dor nas costas na terceira idade: 3 dicas para te auxiliar a aliviá-la

Uma das principais queixas das pessoas na terceira idade é a dor nas costas. Segundo o estudo Saúde, Bem-Estar e Envelhecimento, quase 30% dos idosos sofrem de dores crônicas, sendo que as mais comuns são na região das costas e nas pernas.

Existem muitas causas para dor nas costas em idosos. Ela pode ser motivada por osteoporose, reumatismo e até mesmo má-postura. Para saber qual é a causa da sua dor nas costas, é importante consultar seu médico, pois ela pode indicar uma doença mais séria.

No entanto, caso a sua dor nas costas seja fruto simplesmente de má-postura ou de um colchão ruim, trazemos neste artigo três dicas que podem te ajudar a aliviá-la.

Dicas para aliviar a dor nas costas

1. Massagens com óleos

Massagear as costas pode ajudar a aliviar a dor, especialmente se óleos de ervas forem utilizados no processo. Nossa sugestão é usar óleo de erva-cidreira ou de erva-de-São-João. Para fazer o óleo, coloque 200 gramas de folhas secas da erva em 1 litro de álcool 60% durante 10 dias. Depois, basta coar a mistura e usar água para diluí-la.

2. Banhos e compressas quentes

Banhos e compressas quentes ajudam a aliviar a dor. Você pode tanto tomar um banho quente com chá de alecrim ou tomilho, quanto utilizar compressas com esses compostos. Para as compressas, é importante deixá-las agir por cerca de 15 minutos, de modo a evitar queimaduras.

3. Alongamentos das costas

Alongar-se pode ser uma opção para suavizar a dor nas costas. Para isso, é importante esticar as costas utilizando algum apoio para as mãos e manter a posição por cerca de 30 segundos.

Um travesseiro também pode te ajudar a alongar. Deite-se e coloque um travesseiro alto entre as pernas. Em seguida, posicione a coxa para cima de modo a fazer um ângulo de 90° com o joelho. Fique nessa posição durante alguns minutos.

Procure um médico

Todas essas dicas podem te ajudar a aliviar as dores nas costas, mas elas não substituem uma consulta com o seu médico. Como já falamos, é preciso ter atenção às dores constantes, porque elas podem indicar outras doenças. Por isso, não deixe de agendar sua consulta.

Para continuar aprendendo mais sobre qualidade de vida, acesse o blog da Prestho:

Ir para o blog

Acesse sua área na Prestho e acompanhe a situação de suas solicitações de empréstimo.

Saiba sobre os valores disponíveis e taxas reais aplicadas e finalize seu pedido sem compromisso.

A autorização para a contratação deve ser dada por você.

É seguro!

© Copyright 2019 - Prestho - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade e Termos de Uso do Serviço

© Copyright 2019 - Prestho - Todos os direitos reservados

A plataforma www.prestho.com.br pertence à PRESTHO DIGITAL LTDA, CNPJ: 10.299.040/0001-30, com sede na Avenida Rondon Pacheco, 3338 CEP: 38408-404, Uberlândia, Minas Gerais, Brasil. Para entrar em contato, utilize o e-mail: contato@prestho.com.br.

A Prestho apenas intermedia as operações de consignado, entre os usuários e os bancos parceiros. A análise de crédito e a liberação do valor na conta do cliente é feita única e exclusivamente pelos bancos parceiros. A aprovação de créditos consignados descritos nesta plataforma está sujeita a margem consignada e averbação por parte o orgão pagador. As taxas de juros praticadas no empréstimo consignado e no cartão de crédito consignado são determinadas pelos bancos parceiros, conforme suas políticas e serão, sempre confirmadas e exibidas antes de qualquer contratação. A quantidade de parcelas para quitação do empréstimo no convenio INSS será sempre de 72 nas contratações feitas pela plataforma ou App.

Exemplo representativo utilizando as taxas máximas de contratação para aposentados e pensionistas do INSS: um empréstimo de R$ 1.000,00, parcelado em 72 meses, terá parcelas de R$ 28,57, com um valor final do contrato de R$ 2.057,04, tendo como dados adicionais para esse exemplo o IOF, com o valor de R$ 31,24, sem tarifa de cadastro, juros de 2,08% a.m. (28,0230% a.a.) e o CET, de 2,19% a.m. (30,13% a.a).

Utilize seu crédito de forma consciente e somente em caso de necessidade.

Os produtos oferecidos estão sujeitos a alterações utilizando taxas mais vantajosas para o cliente, a depender de fatores determinados pelos bancos parceiros.